UFC News – Conor McGregor afirma que iria “esbofetear” a versão de 2016 de si mesmo

Em 2016, Conor McGregor fez história ao derrotar Eddie Alvarez para se tornar um duplo campeão no UFC, já que “The Notorious One” realizou simultaneamente o campeonato de pesos-pena e o campeonato de pesos leves do UFC.

Olhando para a sua vitória histórica no UFC 205, McGregor afirmou que iria “dar uma palmada” na sua versão de 2016 – uma prova do crescimento que conseguiu desde que venceu Eddie Alvarez para se tornar o primeiro campeão simultâneo de duas divisões na história do UFC.

Acrescentou ainda o facto de precisar actualmente de um corte de cabelo enquanto está em quarentena no meio do surto global da COVID-19.

McGregor afirma que “esbofetearia” a sua versão de 2016

Conor McGregor fez história no UFC 205 quando derrotou Eddie Alvarez para ganhar o Campeonato do UFC de pesos leves pela primeira vez na sua carreira.

Embora muitos concordem com o fato de que o irlandês estava no seu auge há quase quatro anos, o próprio McGregor afirmou que iria “esbofetear” a versão de 2016 de si mesmo, que detinha dois títulos mundiais de divisão do UFC no Madison Square Garden, em Nova York.

Na sua última saída de Octagon, em Janeiro, McGregor mostrou um lado completamente diferente dele, pois “O Notório” iria dizimar Donald Cerrone nos 40 segundos seguintes ao primeiro round no que foi o combate de regresso de McGregor ao UFC.

O que se segue para Conor McGregor?

Espera-se actualmente que Conor McGregor enfrente Justin Gaethje no seu regresso ao UFC, assim que a promoção regresse ao seu horário habitual, na sequência do seu encerramento temporário devido à COVID-19.